Que possibilidades o Raspberry Pi oferece ao jogo?

A chegada do Raspberry Pi foi, claro, um ponto de viragem no mundo da computação. Há alguns anos, era impossível pensar que iríamos encontrar um aparelho, com um preço de apenas US $ 40 e uma potência mais do que aceitável, que poderíamos sempre carregar no bolso da calça. Este dispositivo se tornou um gadget indispensável para muitos usuários. Mas nós realmente sabemos como aproveitar todo o seu potencial para uma tarefa como a execução de jogos?

Oferta do Raspberry Pi para o jogo

Retro: o pilar mais forte do Raspberry Pi

Um dos usos mais comuns para este microcomputador é simplesmente transformá-lo em um console retro. Podemos encontrar uma grande variedade de sistemas especialmente concebidos para jogar, como o RetroPie ou o Lakka, que vêm com tudo o que precisamos para que apenas tenhamos que colocar os ROMS das consolas que queremos e começar a jogar.

Lakka 3.0

Existem também programas (emuladores, vamos lá) que podemos instalar em qualquer outra distro (como o Raspberry Pi OS) e que nos permitirão o mesmo. RetroArch (Libretro) é, claro, o mais conhecido. Mas também temos outras excelentes alternativas que também nos permitem brincar e nos divertir. E um deles é Kodi em si, com sua seção de arcade.

emulador Nintendo

Embora seja verdade que as primeiras versões deste micro-computador podem ser um tanto limitadas em termos de potência, a versão 3, e especialmente a versão 4, são potentes o suficiente para serem capazes de mover sem problemas praticamente qualquer console retro que colocarmos nele. Certamente um dos melhores usos para este PC.

Brinque, aprenda e divirta-se

Mas nem tudo são jogos como tal. O Raspberry Pi também se tornou uma excelente plataforma de jogos e aprendizagem, graças à qual os mais pequenos (e não tão pequenos) podem aprender eletrónica e até programar enquanto se divertem.

Um dos aplicativos que é instalado por padrão neste micro-computador é Raspe . Esta linguagem de programação destaca-se por auxiliar no desenvolvimento de habilidades mentais por meio do aprendizado de programação sem um conhecimento profundo do código. Isso, junto com uma interface muito simples e divertida, ajuda a torná-lo um recurso muito interessante para os mais pequenos.

Raspe

Também podemos usar o Raspberry para outros tipos de aprendizagem enquanto nos divertimos com ele.

E os jogos poderosos?

Se o que procuramos é rodar jogos poderosos, então as coisas mudam. Apesar de ser um dispositivo relativamente poderoso, quando se trata de processamento de gráficos 3D, o poder é muito mais limitado. A isso devemos acrescentar que não temos um Windows sistema operacional como tal, mas tudo funciona Linux. E não no mesmo Linux que podemos rodar em casa, mas no versões do Linux para ARM . Tudo isso fecha muito as possibilidades de usar o Raspberry Pi para jogar, por exemplo, de vapor.

Devemos estar cientes de que um microcomputador de 40 euros não pode ser tão poderoso quanto um computador de 1200. E o propósito de cada um é totalmente diferente. Apesar disso, este microcomputador é poderoso o suficiente para servir como um centro de entretenimento com as opções que vimos anteriormente.